Alunos da UBI apresentam VIRUSCAN na final do SCIENT

Um grupo de cinco alunos da Universidade da Beira Interior vai apresentar, no Chipre, o sensor para a deteção de vírus, na final do projeto SCIENT. Trata-se da fase final da competição que vai decorrer de 11 a 14 de Setembro naquele país do Mediterrâneo. Neste evento, a equipa da UBI irá apresentar e defender o projeto VIRUSCAN – Sensor para a deteção de vírus, juntamente com os selecionados de outras instituições internacionais.

O projeto dos cinco elementos da UBI consiste no desenvolvimento de um sensor para deteção viral, que pode ser usado como um método de rastreio, permitindo um diagnóstico económico, simples e rápido de uma determinada infeção viral. O plano de negócio do VIRUSCAN foi trabalhado durante o Programa de Formação em competências empreendedoras, comum aos vários parceiros envolvidos no SCIENT.

Esta proposta é da autoria de três estudantes de doutoramento em Bioquímica (Filipa Pires, Sónia Miguel e André Moreira), um estudante de doutoramento em Biomedicina (Josué Carvalho) e outro estudante de mestrado em Biotecnologia (João Boga). O grupo fez toda formação Superior (1.º e 2.º ciclos) na UBI, nas áreas da Biotecnologia e Ciências Biomédicas.

Iniciado em janeiro de 2015, o SCIENT termina no final deste ano, e está a ser financiado pelo ERASMUS+. Resultou de uma parceria entre 15 entidades, pertencentes a oito países da União Europeia: Portugal, Chipre, Inglaterra, Alemanha, Itália, Espanha, Lituânia e Malta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *