CHUCB ganha distinção por boas práticas de saúde

O Centro Hospitalar Universitário da Cova da Beira foi distinguido, graças ao seu projeto “Telemonitorização de doentes com insuficiência cardíaca crónica (ICC)”, pelo Prémio Healthcare Excellence. A iniciativa da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), em parceria com a biofarmacêutica AbbVie, pretende distinguir projetos de melhoria da qualidade dos serviços prestados aos utentes que tenham produzido uma melhoria do acesso, da eficiência, da segurança, ou dos resultados obtidos na prestação de cuidados de saúde.

O projeto, implementado pelo Serviço de Cardiologia do Centro Hospitalar da Cova da Beira, consiste num sistema inovador de acompanhamento e tem como objetivo melhorar a qualidade de vida dos doentes. Com o programa de telemonitorização tem sido possível contribuir para a deteção precoce de episódios de descompensação, diminuir e prevenir hospitalizações, reduzir custos financeiros através da diminuição de episódios de urgências, internamentos e consultas presenciais.

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) foi o grande vencedor da 5ª edição do Prémio Healthcare Excellence. A “Via Verde Reanimação” tem como primeiro objetivo aumentar o número de vidas salvas em situações de paragem cardiorrespiratória.

Houve também uma outra menção honrosa, atribuída ao projeto “Utilizadores Frequentes do Serviço de Urgência do Hospital Garcia de Orta” do Hospital Garcia de Orta e do Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) Almada-Seixal

A 5ª Edição do Prémio Healthcare Excellence recebeu um total de 16 candidaturas, provenientes de instituições de saúde de norte a sul do país. Entre os finalistas estiveram também projetos do Centro Hospitalar de Lisboa Central com o ACeS Lisboa Central, do Instituto Português de Oncologia do Porto, e da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano.

Por: Gina Almeida