Leões da Serra apontam para o 5º lugar após vitória em Coimbra

O Sporting da Covilhã venceu e convenceu em Coimbra, com uma vitória por 2-0 frente à Académica.

Num jogo de sentido único, o resultado foi feito ainda antes do intervalo. Após uma recuperação de Kukula, o avançado ao minuto 34 ofereceu o golo a Mica. O Covilhã dispôs de mais uma oportunidade soberana ao minuto 39, quando Diego Medeiros num lance muito idêntico ao do primeiro golo, se isolou na cara de Júlio, mas atirou ao lado. Os leões da serra chegariam mesmo ao segundo ainda antes de intervalo, quando numa jogada de entendimento entre Mica e Kukula, o avançado covilhanense desfeiteou o guardião da Académica, com um remate de fora da área.

Na segunda parte, o Covilhã andou sempre mais perto do terceiro golo do que a equipa de Coimbra do primeiro, mas o resultado manteve-se inalterado até ao fim da partida, face à ineficácia dos jogadores serranos e à segurança de Bruno Miguel na baliza verde e branca.

O treinador da Académica, João Alves, considerou “uma vitória justa do Covilhã” e que não poderia culpar os seus jogadores, pois “eles tentaram ganhar o jogo e lutar, portanto, não há que criticá-los por isso” e que foi “um jogo menos conseguido da equipa”.

O treinador Serrano voltou a ser questionado quanto à excelente segunda volta, mas Filó respondeu “nós entrámos na 7ª jornada, num plantel que eu me apercebi que tinha pouca experiência. Reformulámos o plantel, ficou mais competitivo, os resultados apareceram fruto das boas exibições que já aconteciam.” Acrescentou ainda que se “repetíssemos a segunda volta, estaríamos nos lugares de subida”.

Com esta vitória a equipa serrana pode ainda alcançar o 5º lugar na segunda liga, sendo que para isso tem de vencer a última jornada frente ao Mafra, no Municipal Santos Pinto e esperar que a Académica perca frente ao Varzim.