Tortosendo quer circuito de prevenção rodoviária no jardim público e mais verde no Parque S. Miguel

A Junta de Freguesia do Tortosendo quer requalificar os espaços públicos da vila, nomeadamente o jardim público e o Parque de S. Miguel.

No caso do jardim público o projeto envolve também a GNR e pretende criar “um circuito de prevenção rodoviária” para funcionar todos os dias do ano, anunciou o presidente da Junta de Freguesia, David Silva.

O autarca quer que a vila “seja um exemplo a nível nacional com este circuito”, que é também uma forma de ali “trazer crianças de todo o país”.

Com esta remodelação a junta vai também avançar com a requalificação de um edifício contiguo, que servirá de sede ao Núcleo do Tortosendo da Fraternidade Nuno Álvares. O autarca avança que “já foi feito o levantamento das necessidades” e com a “ajuda” de todos, pretendem dar melhores condições a uma coletividade, que “também tem feito muito pela freguesia”, diz David Silva.

Outra das infraestruturas em que a junta pretende intervir é o Parque de S. Miguel. Uma situação “só possível se o parque passar para a posse da Junta”, o que David Silva já pediu ao presidente da Câmara. O objetivo adianta o presidente da junta, é tornar o espaço mais verde e mais apelativo para a população.

Vítor Pereira, presidente da Câmara, concorda que a “junta de freguesia, dada a sua proximidade” é o organismo que “melhor poderá fazer a manutenção, dinamização e conservação do parque”. O presidente da Câmara garante que irá averiguar se “do ponto de vista jurídico é possível que a Junta de Freguesia passe a ser a titular do equipamento, se não for será “celebrado um protocolo nesse sentido.