Dérbi como último teste

O Sporting da Covilhã recebe o Benfica e Castelo Branco naquele que é o seu último jogo antes do início da competição.

Ricardo Soares vai utilizar a partida como último teste aos reforços dos leões da serra.

Começando na baliza, Carlos Henriques chegou emprestado pelo Portimonense. O guardião, que já conta com dois títulos da segunda liga, esteve na época passada emprestado ao Paços de Ferreira onde não se conseguiu afirmar, realizando apenas 5 jogos e sofrendo 6 golos. 3 destas partidas foram na Taça da Liga.

Também emprestado pelos de Portimão está Brendon Lucas. O central, que nas duas últimas épocas vestiu as cores da Académica, pela qual realizou 36 partidas, parece ser, ao que apontam aos amigáveis, a aposta do treinador para o eixo da defesa. O brasileiro venceu a 2ª liga em 2016/2017 ao serviço dos algarvios.

O reforço da defesa fica, para já, completo com o ex-Penafiel Daniel Martins. O lateral-esquerdo esteve ao serviço dos nortenhos nas últimas quatro épocas onde somou 92 partidas. De destacar o portento físico do lateral, que mede 1,89m. Este é mais um atleta titulado, pois ao serviço do Belenenses, na época 2012/2013, sagrou-se campeão da segunda liga.

Para reforço do meio-campo e da frente de ataque, o Sporting da Covilhã apostou no Campeonato de Portugal (CNS), o terceiro escalão do futebol português.

Filipe Cardoso, médio-centro, e Silva, avançado, chegaram provenientes do Coimbrões. O médio tem sido aposta ao lado de Gilberto no meio-campo covilhanense após 6 épocas no CNS. Na temporada 2018/2019, apontou 8 golos em 33 jogos.

Ao serviço do clube de Vila Nova de Gaia nas duas últimas épocas, o avançado Silva apontou 15 golos em 59 jogos, e já mostrou nos amigáveis capacidade para ser o parceiro de Kukula na frente de ataque, destacando-se a sua velocidade e força.

O último reforço anunciado pelos leões da serra, também proveniente do CNS, é Abdoulaye Daffé, também ponta de lança. O senegalense apontou 15 golos em 32 jogos na última época. Aliás, nas últimas 3 épocas, o ex-Gondomar de 1,87m apontou 39 golos em 100 partidas.

Após o jogo de apresentação, Ricardo Soares salientou que ainda espera a chegada de um médio centro e de um médio ala.