Violência doméstica: Ministra e Secretária de Estado dão continuidade a protocolo na Covilhã

A Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa,
 Maria Manuel Leitão Marques , preside à cerimónia de assinatura do novo Protocolo de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica, na Covilhã, na próxima sexta-feira Trata-se de um novo Protocolo para a Territorialização da Rede Nacional de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica, promovido pela Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, que também estará presente na cerimónia.

 O documento é assinado dia 15 de fevereiro, às 15h30, no Salão Nobre da Câmara Municipal da Covilhã. São outorgantes deste documento a Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género, que assume o acompanhamento técnico, a CooLabora, na qualidade de entidade coordenadora, os municípios de Belmonte, Covilhã e Fundão e outras entidades num total de 22 organizações.

O novo protocolo assegura a continuidade deste trabalho e vem reforçar a atuação da rede Violência Zero, coordenada pela CooLabora, e que envolve os concelhos de Belmonte, Covilhã e Fundão, e inscreve-se na nova geração de protocolos de cooperação promovidos pela Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade.

Recorde-se que no âmbito do anterior protocolo, que terminou em 2018, esta rede assegurou o apoio direto a 317 vítimas de violência doméstica e realizou 1439 atendimentos presenciais.