Covilhanenses chamados a “pensar o futuro”

“Vamos todos pensar a Covilhã”, é o apelo da Câmara Municipal da Covilhã, que pretende ouvir os munícipes sobre o que pretendem para o futuro do concelho. O objetivo é conseguir “uma reflexão coletiva, sobre o futuro, a um ano de comemorar os 150 anos de elevação a cidade”, anunciou o presidente da Câmara Municipal da Covilhã, Vítor Pereira.

A discussão de fundo terá lugar “num fórum a realizar em junho”, mas antes a autarquia quer saber “os temas que os covilhanenses querem ver debatidos”, esclarece o autarca.

Tendo em conta que em 2020 a Covilhã comemora 150 anos da elevação a cidade, “importa refletir coletivamente sobre o futuro da cidade e como deve afirmar-se nas próximas décadas”, avança ainda o presidente que pretende desta forma “lançar um debate que servirá de base para a elaboração de uma estratégia de desenvolvimento municipal”.

Para o efeito, a autarquia criou a iniciativa “Covilhã 2030”. Trata-se de um endereço eletrónico, disponibilizado no site e nas redes sociais do município, onde se encontra um questionário “em que todos podem e devem participar”, frisa o edil.

O município garante que “todos os dados são anónimos, apenas se ficará a conhecer a idade, sexo e a freguesia de residência”. Os contributos recolhidos serão tratados “no fórum sobre a estratégia de desenvolvimento da Covilhã”. Vítor Pereira quer uma “participação massiva” no questionário, frisando que “serão premiadas as juntas e agremiações que tenham mais respostas”.