CDS-PP propõe plano para potenciar reservas de água

Em nota de campanha enviada por Assunção Vaz-Patto ao parlamento, a cabeça de lista do CDS-PP pelo distrito de Castelo Branco descreve que “para além de medidas específicas de coesão territorial, o CDS-PP propõe um plano e uma estratégia de potenciar as reservas de água”.

Este plano do partido de direita passa pelo aumento da capacidade de armazenamento das albufeiras existentes, realização de novas pequenas e médias barragens e reabilitação dos regadios tradicionais.

De acordo com a nota enviada à redação, o CDS-PP propõe ainda um sistema nacional de eficiência hídrica dos edifícios, semelhante ao da energia. O apoio à investigação de formas de aproveitamento de água salgada também consta no documento. A nível distrital propõe ainda “a reabilitação e modernização dos regadios já existentes”, pretendendo ainda “identificar e erradicar focos de poluição, promover a retenção e poupança de água pelas pessoas e o regresso à terra apoiando os pequenos e médios agricultores”.