Readiness IT entre as tecnológicas que mais cresceram no eixo Europa, Médio-Oriente e Africa

A Readiness IT, empresa tecnológica com polo no Fundão, já recebeu inúmeros prémios e reconhecimentos nacionais e internacionais, sendo o último a entrada no ranking “Technology Fast 500” da Deloitte, um estudo que reúne as empresas tecnológicas com maior crescimento nos últimos 4 anos na região EMEA (Europa, Médio-Oriente e Africa), onde consta com uns impressionantes 232%, anuncia em nota de imprensa. 

 
Na sua carteira de clientes constam nomes reconhecidos mundialmente como a Telefónica, Etisalat, Entel, Spark, Claro, SwissCom, T-Mobile, entre outras, e trabalha em parceria com empresas como Oracle, Salesforce, OutSystems, Ericsson e Amazon.  

 
No âmbito do 5º aniversário do Centro de Competências System Ninjas da Readiness IT, o polo do Fundão da empresa, na Moagem, recebeu a visita de dirigentes do Instituto de Emprego e Formação Profissional, IEFP, nomeadamente António Alberto Costa, Delegado Regional do IEFP do Centro; Leopoldo Rodrigues, Diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Castelo Branco; Isabel Barrau, Diretora do Centro de Emprego da Covilhã,  Carla Matias, Coordenadora do Núcleo do Emprego do Centro de Emprego da Covilhã. 

 
Durante a visita, um dos administradores da empresa, João Casteleiro, demonstrou os progressos e resultados obtidos ao longo dos últimos 5 anos, destacando a “aposta contínua em contratar, formar e qualificar pessoas, e o seu impacto no desenvolvimento económico e social da região da Beira Interior”, afirmando que “com uma empregabilidade superior a 90%, o centro de competências System Ninjas já criou mais de 250 postos de trabalho por todo o mundo”. 

 
A empresa recebe nas suas fileiras “muitos recém-licenciado da UBI”, mas também “são contratadas pessoas de outras zonas do país para o Fundão, onde recebem formação nas mais diversas tecnologias com as quais a empresa desenvolve projetos à medida de cada cliente”, o que a torna “essencial na aposta da Câmara Municipal do Fundão em tornar a cidade numa referência tecnológica”, referiu o responsável citado na nota de imprensa.