Eduardo Cavaco reeleito na Banda da Covilhã

Eduardo Cavaco iniciou o 6 mandato à frente da Banda da Covilhã. As eleições decorreram na última sexta-feira e a única lista presente a sufrágio foi eleita por unanimidade.

Uma lista “com muitas mulheres e jovens para preparar o futuro”, disse o dirigente, afirmando que “não nos podemos eternizar nos lugares” e por isso é preciso que “outros comecem a sua preparação para nos substituir”.

Em 18 elementos que constituem os órgãos sociais, 9 são novos elementos, com 40% do sexo feminino e 4 jovens abaixo dos 30 anos. Eduardo Cavaco continua à frente na direção para um sexto mandato, António Moreira na assembleia geral e Jorge Saraiva no conselho fiscal.

Quanto a projetos para este ano, a associação pretende centrar as atenções nas comemorações dos 75 anos da sua reorganização e 150 da fundação. Eduardo Cavaco afirma que “serão comemorações ao mais alto nível”, que serão preparadas pela “comissão executiva, comissão de honra e direção”, com atividades que tornarão a efeméride “inovadora e diferenciadora”. A banda da Covilhã pretende em 2019 lançar o projeto “Música é Matemática” e a  “JOC – Jovem Orquestra da Covilhã”.

Na assembleia geral de sexta-feira foram ainda aprovadas, por unanimidade, as contas de 2018 que apresentam um saldo positivo de cerca de 420 euros.