CHUCB celebra Dia Mundial sem Tabaco

Para assinalar o Dia Mundial Sem Tabaco, que se comemorou no dia 31 de maio, e no âmbito do Programa de Prevenção do Tabagismo do Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira, a Unidade de Cessação Tabágica daquela unidade de saúde realizou ao longo de todo o dia, várias iniciativas representativas do trabalho que tem vindo a desenvolver para conseguir um “Hospital 100% Livre de Fumo”.

Assim, no início da manhã teve lugar uma cerimónia simbólica de “corte de fita” para marcar a implementação de todas as medidas que o Centro Hospitalar se propôs, ao ingressar, em finais de 2017, num projeto pioneiro ao nível da cessação tabágica em Portugal. Com a implementação deste programa, “foram adotadas na instituição, medidas de prevenção e controlo de tabagismo, mais musculadas e abrangentes, incluindo um maior incentivo e apoio ao tratamento de doentes dependentes.

Entre as medidas destaque para a “delimitação do perímetro externo do hospital, a partir do qual não é permitido fumar, estando este assinalado no piso junto às entradas principais do CHUCB, através de barras de sinalização amarelas”. Outra medida passa pela “formação / capacitação de um número alargado de profissionais de saúde para a abordagem sistemática do tabagismo e para a intervenção breve ao nível do aconselhamento, através de um curso em formato e-learning”

Ainda neste contexto, o CHUCB relembra “mantém a oferta de consultas de cessação tabágica destinadas aos utentes, funcionários e seus familiares, em horário flexível e pós-laboral, sendo estas isentas de taxa moderadora e com comparticipação de fármacos de cessação tabágica”.

De acordo com palavras de Vítor Mota, do Conselho de administração do CHUCB, “é para o Conselho de Administração do CHUCB uma honra ter uma valência desta natureza, pois representa a aposta do hospital na promoção da saúde, à medida que proporciona os meios necessários e o apoio adequado para os nossos utentes fumadores travarem a batalha de deixar de fumar”. Salienta ainda que “todas as medidas aqui implementadas visam a promoção de um ambiente saudável para todos, eliminando os riscos de tabagismo passivo e um real incentivo para a adoção de estilos de vida saudáveis”.